30 de jun de 2009

30 de junho: Xou da Xuxa

Gostemos hoje, ou não, o fato é que muitos de nós passamos algumas manhãs de nossas infâncias assistindo a um tal de Xou da Xuxa. Entre um episódio dos Smurfs e outro do He-Man, uma moça loura nos tratava por "baixinhos", fazia brincadeiras nos perguntando "quem vai ganhar, menina ou menino?" e se despedia dando "beijinho, beijinho e tchau, tchau".

O começo disso foi num 30 de junho, lá em 86. Naquele dia estreava o Xou da Xuxa, que já trazia elementos que se tornariam "clássicos": a nave de onde Xuxa descia, Dengue e Praga. Depois seriam incorporados paquitas e paquitos. O resto é história: o formato do programa deu super certo, Mara, Angélica e Eliana pegaram carona na ideia e, num belo dia, o reinado das apresentadoras infantis de auditório acabou. Até que chegamos aos dias de hoje, com uma garotinha à frente de um programa infantil, mas que parece fazer mais sucesso com a gente grande do que com os "baxinhos".

29 de jun de 2009

Na Pior em BH


Na Pior em BH é um blog que traça um roteiro turístico nada óbvio da capital mineira. No lugar da igrejinha da Pampulha e da Praça da Liberdade entram butecos que rompem o limite da categoria "copo sujo" e os bastidores dos bordéis da rua Guaicurus.

O autor do "guia" é o jornalista Ranier Bragon. Nascido em BH, mas atualmente trabalhando em Brasília, ele se afastou por dois meses do emprego para voltar à cidade natal e colocar de pé este projeto pessoal.

Com o roteiro "casca-grossa" (segundo definição do próprio Bragon) já finalizado, o objetivo agora é publicar tudo em livro. Tomara que consiga.

http://napiorembh.blogspot.com

28 de jun de 2009

[ESPECIAL MICHAEL JACKSON] Semana de 21/06/2009 a 27/06/2009 - Uma manchete


Quem é rei nunca perde a majestade - A intensa busca por CD's de Michael, motivada por sua morte, deve levar o cantor a atingir o primeiro lugar das paradas do Reino Unido nos próximos dias, conforme estima o escritório que acompanha as vendas de disco na terra da rainha. Para quem é dono do disco mais vendido da história (Thriller, mais de 100 milhões de cópias), nada mais natural.

[ESPECIAL MICHAEL JACKSON] Semana de 21/06/2009 a 27/06/2009 - Uma imagem


Celebração - Fãs se reúnem em Londres para homenagear Michael Jackson. As homenagens ocorreram em outras partes do mundo, como em Madri, no morro Santa Marta e nas Filipinas, onde os prisioneiros que há dois encenaram a coreografia de Thriller repetiram a dose, acresentando à performance outros sucessos de Michael. Outra homenagem, bem ilustre por sinal, veio de Tom Zé, que escreveu um poema para o rei do pop. Ouça o baiano declamando os versos aqui.

[ESPECIAL MICHAEL JACKSON] Semana de 21/06/2009 a 27/06/2009 - Uma frase



"Não seria estranho que, em alguns anos, alguém o reconheça em um posto de gasolina de Memphis"


The Legend - Artigo do jornal do Vaticano "L'Osservatore Romano" sugere que a morte de Michael vai se transformar na lenda do "não morreu", como aconteceu com Elvis, Jim Morrison e outros ídolos da música. Até hoje, há gente que diz que topa com Elvis e Jim Morrison dando um "rolê" por aí. Conforme explica o texto, na imaginação dos fãs, os ídolos nunca morrem.

Semana de 21/06/2009 a 27/06/2009 - Uma imagem


Com diploma - A banda Os Lordes se apresenta no festival "Quinta crockante", em Porto Alegre, na sexta (26). O evento foi o trabalho de conclusão de curso da primeira turma do curso de Formação de Músicos e Produtores de Rock da Unisinos. Além dos Lordes, outras três bandas - todas formadas em função do curso - subiram ao palco. Os 20 alunos "se tornam" roqueiros oficialmente em agosto, quando colam grau.

Semana de 21/06/2009 a 27/06/2009 - Uma frase



"É uma África que não existe."

Senso comum - O escritor moçambicano Mia Couto critica a idéia que as pessoas têm do continente africano. Para ele, muitos desconhecem a verdadeira dimensão da realidade da África, devido a uma visão idealizada e folclorizada do continente. Mia Couto está no Brasil para lançar seu novo livro, "Antes de nascer o mundo".

Semana de 21/06/2009 a 27/06/2009 - Uma manchete


Poderosa - Mônica, a "líder" da turma dos quadrinhos mais popular do Brasil, foi nomeada embaixadora da cultura do Brasil pelo Ministério da Cultura, na última sexta (26). O título concedido à dona do coelho Sansão é a primeira de uma série de homenagens a Maurício de Souza, que este ano completa 50 anos de carreira. Em tempo: apesar de criança, Mônica acumula outros cargos importantes: é embaixadora do turismo e do Unicef no Brasil. Com tanta responsabilidade, não é de se estranhar que ela canalize seu estresse em forma de coelhadas.

26 de jun de 2009

Quando a ficha caiu

Não dá para fugir do assunto "Michael Jackson", principalmente em um blog de cultura. Pois bem. Nunca fui fãããã de Michael Jackson. Até que curtia as músicas do rei do pop, mas de uma maneira bem descompromissada.

Ontem, quando fiquei sabendo, via twitter, da morte de Michael, não acreditei. Mas a reação foi muito mais desconfiança de jornalista que não acredita de cara em informações da internet do que dificuldade em aceitar o fato.

Depois de confirmada a morte, comentei em casa e twittei sobre o caso, como se fosse apenas mais uma notícia. Porém, à medida que o tempo foi passando, a ficha começou a cair: percebi que alguma coisa havia sido perdida para nunca mais ser recuperada.

Sem querer minimizar a tristeza que os fãs (inúmeros, fervorosos e fiéis) sentem neste momento, ouso dizer que a minha reação talvez ajude a compreender melhor a dimensão da morte do cantor. Porque só alguém com um legado singular como o de Michael para deixar com sua morte uma lacuna mesmo em quem mantinha com ele uma relação que passava a milhas de distância da idolatria.

A cara do Pasquim


Para celebrar os 40 anos da primeira edição do Pasquim (que estreou num 26 de junho como este, só que em 1969), chega este mês às livrarias "O Pasquim! - 40 anos" (Editora Desiderata), coletânea de 31 capas que ajudaram o jornal a fazer história.

Quem quiser um aperitivo, pode conferir nesta galeria de imagens feitas pelo O Globo algumas das capas que estão no livro, mais um bônus: desenhos do dream team Jaguar, Millôr e Ziraldo. O jornal também fez reportagem sobre o lançamento.

25 de jun de 2009

Livros de Futebol

Livros de Futebol é um site dedicado a vender exclusivamente, adivinhe, livros sobre futebol. O catálogo está organizado em categorias, conforme a abordagem dada ao esporte mais legal do mundo: biografias, ciências humanas, clubes, humor, etc. Há desde estudos sociológicos até histórias contadas na linguagem da literatura de cordel.

Além de reunir num único lugar obras sobre o tema publicadas por outras editoras, o projeto também faz publicações próprias - inclusive, o site pede para quem tiver um livro sobre futebol que envie para avaliação.

Corra para o abraço: http://www.livrosdefutebol.com/.


24 de jun de 2009

JPG


JPG é uma comunidade virtual e uma revista sobre fotografia.

Como todas as outras redes sociais na internet, qualquer um pode criar seu perfil na página para divulgar suas fotografias. Neste caso, o "qualquer um" fica um pouco limitado considerando que nem todos nascem com talento para ser fotógrafo (não adianta postar qualquer coisa, o nível de qualidade e beleza das imagens é alto). Se este é o seu caso, pelo menos há muito o que apreciar no site.

A revista, que é temática, tem versão impressa, mas também pode ser consultada na íntegra no site (todas as edições estão disponíveis).

A incrível fotografia acima, retirada do site, é a imagem da semana. Há várias outras preciosidades, como o ensaio que imagina um final nada feliz para as princesas de contos de fadas (garimpado pela revista piauí).


http://www.jpgmag.com/.

23 de jun de 2009

Jogo dos 7 erros

Ok. Já falaram o suficiente por aí do tal sutiã que solta fogo que a Lady Gaga usou na sua apresentação, domingo, no Much Music Awards, premiação canadense. Também já fizeram comparações entre a moça e Madonna. Acho que agora ficou faltando só juntar as pecinhas do quebra-cabeça e terminar a brincadeira - encontre (tente, pelo menos) as diferenças:

Lady Gaga, 2009

Madonna, 1990

22 de jun de 2009

Tan-tan-tan-tan

A revista Bravo! lançou este mês um concurso cultural para premiar seus leitores com uma coleção de CDs de música clássica. A pergunta do concurso é: qual a utilização mais criativa da Quinta Sinfonia de Beethoven que você já viu?

Não estou participando do concurso, mas a pergunta me instigou a procurar o que já andaram fazendo com o "tan-tan-tan-tan". Fiz uma busca rápida no YouTube e achei algumas "produções" que podem até não ser as mais criativas, mas valem uma olhada (e escutada), nem que seja por diversão.

Em Portugal, alguém teve a ideia de sincronizar a sinfonia com os movimentos de um político durante um discurso.



Alunos da ECA-USP, em um trabalho para uma disciplina, fizeram uma animação abstrata e usaram a composição como trilha.



Ela virou trilha também de uma edição de imagens de um anime.



Até no Guitar Hero a sinfonia foi parar.



A original também está no YouTube. O vídeo não tem nenhuma "gracinha", claro. Mas vale a pena prestar atenção em alguns enquadramentos estratégicos, que destacam detalhes da orquestra e do maestro em momentos cruciais da sinfonia.

21 de jun de 2009

Semana de 14/06/2009 a 20/06/2009 - Uma frase



"Eles não falam espanhol, eles falam português"


Mestre - Bob Dylan dá aula sobre o Brasil em seu programa de rádio Theme Time Radio Hour. A edição que foi ao ar na última terça (16) teve como tema "Around the world". Dylan falou de cantores de diversos países, inclusive do Brasil. Antes, porém, fez uma breve apresentação do país. Para representar a nação verde e amarela, ele escolheu Elis Regina, a quem chamou de "little pepper".

Semana de 14/06/2009 a 20/06/2009 - Uma manchete


Nada se cria? - A Bloomsbury Publishing, editora responsável pela série Harry Potter, negou na segunda (15) que J. K. Rowling, autora da saga do bruxinho, tenha plagiado trechos de "The adventures of Willy the Wizard", lançado em 1987 por Adrien Jacobs. Herdeiros de Jacobs acusam Rowling de ter copiado do livro dos anos 80, dentre outras coisas, a idéia de que magos viajam de trem. Eles abriram uma ação na Alta Corte de Londres contra a editora por quebra de direitos autorais e tentam agora incluir Rowling como ré no processo. Os representantes de Jacobs já haviam acusado a autora de plágio em 2004, mas não conseguiram comprovar a tese.

Semana de 14/06/2009 a 20/06/2009 - Uma imagem

This is the end - Vista melancólica da Virgin Megastore de Nova York em seu último dia de funcionamento, no domingo (14). A então grande rede de lojas de CD's dos EUA não resistiu às mudanças no consumo de música e fechou a penúltima loja restante das 23 filiais que um dia teve pelo país. Agora, só há uma pequena loja em Hollywood, que em breve também fechará as portas.

19 de jun de 2009

19 de junho: Garfield

Neste mesmo dia, só que no longínquo 1978, Jim Davis publicava sua primeira tira do Garfield. Apesar de bem modesta no argumento, a pequena história já revelava a personalidade do, talvez, único gato no mundo fá de lasanha (os meus, pelo menos, nunca demonstraram interesse pelo prato).

Passados 31 anos, a pergunta: como teria sido o mundo nesse período se Davis não tivesse criado Garfield? Um artista irlandês chamado Dan Walsh decidiu pensar a respeito e criou o Garfield Minus Garfield, site no qual ele publica diariamente tirinhas do Garfield subtraindo o gato da história. O resultado é, no mínimo, deprimente.

O projeto já virou livro, está no twitter e tem aprovação do próprio Davis. Faça uma visita e conclua: a vida não faz sentido sem Garfield.

18 de jun de 2009

Cebolinha rules!


Seria compaixão provocada pelas constantes coelhadas de Mônica? Seria a graça causada pela fala errada? O fato é que Cebolinha foi o vencedor de enquete realizada pelo jornal O Globo que perguntaou aos leitores qual seu personagem preferido de Maurício de Souza. O "galoto que tloca" o r pelo l ficou com 23% dos votos. Vieram na sequência Chico Bento (18%) e Mônica (14%). Piteco, Pipa e Pelezinho não receberam votos. A enquete listou 20 personagens. O resultado completo está aqui.

17 de jun de 2009

Dalits, novelas e jornalismo

Estava eu lendo notícias uma noite dessas, quando me deparo com a seguinte manchete na Folha On Line:


A notícia explicava que o garoto não recebeu atendimento em um hospital indiano por ser um "intocável".

No mesmo momento, meus neurônios deram um alerta: naquele dia, umas horas antes, tinha lido uma matéria na mesma Folha que repercutia um artigo publicado na última segunda (15) pelo Washington Post que tratava da influência que as novelas têm no comportamento do brasileiro.

Tratando os programas pelo nome tupiniquim ao invés do equivalente em inglês (soap opera), o repórter usa como gancho Caminho das Índias, mas cita O Clone e até Quatro por Quatro (Babalu e Raí, lembra?).

O jornal brasileiro resumiu alguns dos principais pontos do texto, inclusive a fala de um representante da Globo que diz que não é correto pensar que as pessoas repetem incodicionalmente tudo o que veem nas novelas. Concordo, afinal acredito na inteligência das pessoas.

Mas, ligando os pontos, é impossível não concluir: que chances teria de virar notícia (ou seja, um fato julgado relevante e de interesse) no Brasil a morte de um jovem indiano provocada pela sua classificação na hierarquia social de seu país se não tivéssemos Caminho das Índias no ar?

Se não fosse por Márcio Garcia e seu Bajuan, nem saberíamos o que é um dalit.

Are baba!

16 de jun de 2009

Ontem, hoje e amanhã


A edição deste mês da Revista Trip inspirou-se em uma capa de 1966 da revista Realidade que apontava os novos nomes da música nacional àquela época (estavam lá Chico, Nara, Jair Rodrigues, dentre outros) para fazer o mesmo hoje: fotografia e reportagem apontam nove nomes que estão traçando os novos caminhos da música brasileira.

Leia a reportagem aqui.

15 de jun de 2009

Posterize

Posterize é um blog que reúne pôsteres de shows feitos Brasil afora. A ideia, de acordo com o criador do blog, o desingner Ricardo Seola, é divulgar o design sobre música.

A sacada não poderia ser mais pertinente: a cada pôster, uma obra de arte. Além de ser uma verdadeira "galeria", o blog tem espaço para enviar pôsteres, votação para eleger os melhores e consulta do material disponível por nome da banda, artista ou cidade onde ocorreu a apresentação. Também é possível acompanhar o caléndário de shows pelo país através dos pôsteres.

Pop Art lives: http://posterize.com.br/.

14 de jun de 2009

Semana de 07/06/2009 a 13/06/2009 - Uma manchete


Viva o povo - A prefeita de Campos do Jordão Ana Cristina Machado César derrubou decisão tomada em 2005 que proibia a realização de shows de ritmos populares na cidade, principalmente na temporada de inverno. À época da decisão, o então prefeito João Paulo Ismael justificou a medida com a seguinte pérola: "Sob certos aspectos, Campos do Jordão é diferente das cidades de praia. Existe um refinamento musical já tradicional na cidade, que virou uma marca do município. Aqui não é o lugar apropriado para forró nem sambão". Pagou língua: na quinta (11), já com a permissão valendo, fãs fizeram fila sob um frio de 8 graus para ver Ivete Sangalo.

Semana de 07/06/2009 a 13/06/2009 - Uma frase



"Realmente o que estão fazendo é promover a ideologia comunista"


Guerrilha virtual - O cineasta Milos Forman diz o que pensa sobre o compartilhamento de arquivos na internet, durante a Cúpula Mundial do Direito Autoral. De origem tcheca e radicado nos EUA, o diretor rejeitou a troca gratuita de arquivos na rede e equiparou a prática ao roubo. Curioso é que, na semana passada, Nelson Motta, em sua crônica semanal, comparou o download de arquivos e a troca de informações na internet ao socialismo, só que exaltando a prática. Pontos de vista à parte, o fato é que a revolução já está feita.

Semana de 07/06/2009 a 13/06/2009 - Uma imagem

Para jamais esquecer - Projeção simula a aparência que a adolescente judia Anne Frank, morta num campo de concentração nazista, teria hoje, aos 80 anos. A garota ficou conhecida após a morte, ao ter divulgados seus diários sobre o período em que sua família foi perseguida pelo regime de Hitler. A fotografia foi feita pela ONG Annie Frank Trust-UK, para lembrar a data de nascimento da garota (12 de junho) e chamar atenção para os jovens que morrem vítimas da guerra.

12 de jun de 2009

Bíblia em quadrinhos

No segundo semestre deste ano deve chegar às livrarias "The Book of Genesis Illustrated", do cartunista norte-americano Robert Crumb. O trabalho, que levou quatro anos para ser finalizado, recria em 200 páginas, por meio da linguagem dos quadrinhos, todos os 50 capítulos do primeiro livro da Bíblia.

De acordo com o jornal espanhol El País, que entrevistou o autor, o texto é fiel às palavras da Sagrada Escritura. Além da entrevista, o jornal adianta algumas páginas do livro nesta galeria.

No Brasil, as obras de Crumb são publicadas pela Conrad Editora.

11 de jun de 2009

Os últimos

A versão on-line do jornal britânico The Times publicou nesta semana o resultado de uma enquete que perguntou aos leitores quem eles consideravam os grandes artistas do século XX.

O resultado da pesquisa gerou uma lista de 200 nomes, com primeiros lugares óbvios (sem desmerecer, claro): Picasso, Matisse, Cezanne e Duchamp estão no topo.

No entanto, à medida que as posições avançam, os nomes ficam cada vez mais obscuros, pelo menos para quem não é profundamente entendido em artes plásticas - o que é o meu caso. Por isso, achei que seria no mínimo proveitoso dar uma leve esnobada nos primeiros lugares, que sempre ganham os holofotes quando são feitas essas listas, e fazer o movimento inverso: ir atrás dos "10 menos" e diminuir minha ignorância.

Eis, então, os dez últimos entre os 200 grandes artistas do século XX:

191º - James Turrell, artista de instalação, americano.

Afrum I, 1967

192º - Isamu Noguchi, escultor, americano.

Octetra, 1968

193º - Robert Mangold, pintor, americano.

Column Study, 2005

194º - John Chamberlain, multiartista, americano.

Combatcoupe, 2008

195º - Charles Demuth, pintor, americano.

Aviarista, 1912

196º - John Currin, pintor, americano.

Thanksgiving, 2003

197º - Alberto Burri, pintor, italiano.

Cretto L.A, 1976

198º - Arnulf Rainer, pintor, austríaco.

The water is a naked box, 1950

199º - David Salle, pintor, americano.

Candor, 1995

200º - Hiroshi Sugimoto, fotógrafo, japonês.

The Electric Chair, 1994

A lista completa, com a quantidade de votos recebida por cada artista (de um total de 1,4 milhão de "eleitores"), está aqui.

10 de jun de 2009

Sala de Leitura

Sala de Leitura é uma cria da onda de comunidades on-line segmentadas. A rede social agrega exclusivamente usuários interessados em literatura e escritores, sejam eles conhecidos, profissionais ou amadores.

A principal aposta do site é o espaço que todo usuário cadastrado tem para publicar seus textos. Tudo o que é postado é reunido em uma seção, "Obras Literárias", e organizado conforme o gênero (crônica, conto, poesia, etc). Há também fóruns, notícias, agenda de eventos e dicas de links, tudo relacionado ao mundo das letras e construído pelos usuários.

Vá lá: www.saladeleitura.com.br.

9 de jun de 2009

365 dias de Mafalda


Clube da Mafalda é um blog criado em 2006 voltado exclusivamente para a publicação de tirinhas da chica rara criada pelo argentino Quino. Ele encerrou as atividades no ano passado mas, felizmente, seu autor o manteve no ar.

Além das tirinhas postadas diariamente ao longo de dois anos, também está disponível no blog o download do livro Toda Mafalda, que compila praticamente todas as tirinhas publicadas da personagem em maravilhosas 400 páginas. O outro livro disponiblizado, Mafalda Inédita, com as histórias não publicadas, está com o link expirado. Porém, este blog fez uma busca e encontrou-o aqui.

Visite e garanta seu momento de sabedoria diário.

8 de jun de 2009

8 de junho: 1984

Antes que o relógio marque meia-noite, é bom lembrar que em 8 de junho de 1949 foi lançado 1984, um dos livros clássicos de George Orwell. A história, que retrata uma sociedade totalitária imaginária, obriga a uma reflexão necessária sobre os limites do poder e do Estado, seja ele de direita ou de esquerda.

Melhor que falar, é ler o livro, que pode ser baixado neste link.

Para completar, veja o filme inspirado na obra. Nineteen Eighty-Four, lançado em 1984 (sim!) pelo diretor Michael Radford, está disponível na íntegra no You Tube.

O Tremendão também

Além de Roberto, o "outro Carlos", o Erasmo, também completa 50 anos de carreira neste ano. Para comemorar, Erasmo lança o disco de inéditas "Erasmo Rock 'n' Roll Carlos", que está disponível na íntegra no MySpace. O perfil do cantor no site, oficial e bem caprichado, também tem galeria de fotos e vídeos, como este do making of do disco.

Making Of "Rock 'N' Roll"

7 de jun de 2009

Semana de 31/05/2009 a 06/06/2009 - Uma frase


"Às vezes, cansa"

Working like a dog - Paul McCartney explica como se sente em relação à fama conquistada com os Beatles. Ele disse ser difícil lidar com sua condição de pessoa pública. Mesmo assim, ainda gosta de tocar ao vivo. Poderia ser considerado um ingrato mas, justamente por ser um Beatle, tem licença para este tipo de reclamção - está perdoado. Nesta semana, Paul divulgou junto com seu companheiro Ringo Starr as primeiras imagens do game "The Beatles: Rock Band", que estará à venda em setembro.

Semana de 31/05/2009 a 06/06/2009 - Uma imagem


Tin Tin! - O Museu Hergé, inaugurado na última terça (2), leva o nome de seu homenageado, o desenhista criador do repórter aventureiro Tin Tin, personagem que completa 80 anos em 2009. O Museu fica na cidade de Lovaine-la-Neuve, na Bélgica, país de origem de Hergé (seu nome verdadeiro era Georges Remi). O espaço exibe materiais que revelam a biografia e a personalidade do artista, bem como desenhos de seus personagens menos conhecidos. Já o mais famoso deles, além de ter espaço garantido no museu, também vai ganhar as telas: está prevista para 2011 a estréia de "The Adventures of Tin Tin - The Secret of the Unicorn". O longa está sendo produzido desde janeiro e tem direção de Steven Spielberg.

Semana de 31/05/2009 a 06/06/2009 - Uma manchete


Reaprendendo geografia - Depois de levar o festival até Madri e Lisboa, o organizador do Rock in Rio, Roberto Medina, lembrou-se de que o "Rio" no nome do evento refere-se a uma cidade do sudeste do Brasil e prometeu trazê-lo de volta ao país em 2011. Se cumprida a promessa, será a primeira edição no país depois de 10 anos. O empresário também pretende levar o festival para China e Polônia.

6 de jun de 2009

RC Emoções

Já está à venda nas bancas de todo o país a revista RC Emoções, a primeira revista oficial de Roberto Carlos. A revista faz um parelo entre os 50 anos de carreira do Rei e os respectivos 50 anos de história do Brasil.

Há reportagens que tratam desde o percurso da música no país tendo como ponto de partida a Jovem Guarda, até depoimentos de roqueiros revelando como foram influenciados por Roberto. Outros textos vão mais a fundo na "questão RC", como o de Xico Sá, que analisa a influência do rei no comportamento dos homens, e outro que reúne acadêmicos para explicar o fenômeno do sucesso de Roberto e seus efeitos.

Com tiragem de apenas 100 mil exemplares para um público de milhões de súditos, a revista é publicada pela Editora Glamourama, da jornalista Joyce Pascowitch.

Veja uma prévia da revista aqui.

5 de jun de 2009

Capas antológicas (e impagáveis)


Quem não acompanha o Blog do Noblat, além de perder a chance de acompanhar como anda o cenário político do país, também fica alheio às ótimas séries temáticas, voltadas para a cultura e a história, que o jornalista cria. Desde maio, Noblat vem fazendo posts sob a etiqueta "Antológicas capas de disco", que mostra capas de LP's que escapam da obviedade que o título da série pode sugerir e que beiram a raridade.

Sensacional.

Festivelhas BH

Para fechar a expedição que percorreu 804 Km da bacia do Rio das Velhas na luta pela sua preservação, o projeto Manuelzão realiza hoje (5) e amanhã (6), no Parque Municipal, o Festivelhas, evento com uma série de apresentações culturais gratuitas.

Na programação de hoje estão previstos o novo espetáculo do grupo Galpão, "Sonho de uma noite de São João", além de show de Marku Ribas e performances circenses da Trupe Gaia. Amanhã se apresentam Rubinho do Vale, Maurício Tizumba e, mais uma vez, o grupo Galpão, com o mesmo espetáculo.

Programação completa aqui.

4 de jun de 2009

Músicos ou fashionistas?

Liam Gallagher, vocalista do Oasis, lança oficialmente hoje (4) sua grife de roupas, a Pretty Green. São casacos, jeans, calçados e acessórios masculinos. Com uma dose de sinceridade e pouca modéstia, a promessa da marca é a de evocar "o estilo e a arrogância do frontman mais icônico desta geração". Além de dono, Liam também é design e modelo da grife.



O inglês não é o único a fazer algo do tipo. Seja para "expandir os negócios" e ganhar uma graninha, seja para liberar a criatividade ou por simples prazer, outras figuras da música pop se arriscam a colocar o pé no mundo da moda. E assim como na música, tão variados quantos são os sons, são também os estilos das peças que levam a marca dos músicos.

O rapper Snoop Dogg, no melhor estilo gangster, batizou sua linha de roupas de Rich & Infamous. Vende camisas, agasalhos e jeans.



Na ala feminina, Gwen Stefani tem a Harajuku Lovers. Além de camisetas, calças, vestidos e shortinhos, a grife aposta num dos maiores objetos de desejo de nós, mulheres, quando o assunto é moda: sapatos.



Lily Allen também mira em um outro ponto fraco das moças. A Lily Loves tem uma extensa linha de bolsas. Também vende objetos para o lar.


M.I.A tem a Okley by M.I.A. As peças carregam o estilo cosmopolita do trabalho da cantora, com muitas cores e estampas.

Em breve
Amy Winehouse (jóias e roupas), Miley Cyrus (peças básicas), Kanye West (vestidos de festa), Weezer (cobertores com manga, os snuggies, populares nos EUA) e Courtney Love (lingerie) têm projetos para entrar no ramo. A conferir.


Primórdios

Não tem como não falar de música e moda e não se lembrar da história dos Sex Pistols. Muito provavelmente eles foram a primeira banda a ter uma relação bastante estreita com uma grife, ainda que não fossem donos dela.

Malcolm Mclaren, que viria a se tornar empresário da banda, era dono, junto com sua esposa Vivienne Westwood, da Sex, butique que vendia roupas com inspiração no sadomasoquismo e em movimentos artístiscos desenhadas pelo próprio casal.

Interessado pelo visual dos New York Dolls, que certa vez visitaram a loja, Malcolm decidiu criar sua própria banda para imprimir nela o look de suas criações. Chamou frequentadores da própria Sex, rapazes que não sabiam tocar, mas que foram responsáveis por criar um marco na música do século XX, os Sex Pistols. Click! Estava criada a estética punk.

3 de jun de 2009

Continuum


Continuum é uma revista sobre cultura editada pelo Instituto Itáu Cultural. Ela circula bimestralmente e as edições são temáticas. Neste bimestre (maio-junho), por exemplo, a revista trata da língua, com reportagem que explica a origem do sotaque e entrevista com o compositor Nei Lopes explicando a influência do samba na língua portuguesa.

A parte mais legal: ela está disponível para leitura na internet. Mas há também opção para os que preferem o papel: se cadastrando no site a revista chega na sua casa.

A Continuum também é aberta à participação dos leitores, com uma editoria exclusiva para tanto, a Área Livre. É só mandar a contribuição (reportagem, crônica, desenho, etc) pela internet, de acordo com o tema da edição seguinte, que é antecipado no site. O do próximo bimestre será conectividade.

Vale a pena.

Muito além da esperança - Parte II

Para os que gostaram das pinturas, desenhos e afins inspirados em Obama: o blog de cultura do New York Times, o ArtsBeat, inspirado pela reportagem de que eu falei no post abaixo, convocou os leitores a enviarem seus próprios trabalhos.

A quantidade de imagens enviadas não para de crescer: nas últimas quatro horas, o número passou de 52 para 71. Provavelmente, quando você ler este texto, o número já será outro.

Tem até tênis no meio da história.

Veja as outras criações aqui.

2 de jun de 2009

Muito além da esperança


Talvez o pôster acima, criado pelo artista de rua Shepard Fairey e eleito design do ano, não seja a imagem definitiva da "Era Obama".

Reportagem da edição desta segunda do New York Times identifica um fenômeno particular da "obamania": a proliferação, na inernet, de desenhos, pinturas e outras criações artísticas inspiradas no presidente norte-americano feitos por anônimos.

O fato interessante é que, apesar de muitas, essas imagens não andam por aí dispersas na rede. A reportagem de Randy Kennedy mostra que há sites e blogs voltados exclusivamente para reunir as imagens. Tome nota:

Art of Obama - Reúne obras enviadas por anônimos
The Obama Art Report - Faz o mesmo que o primeiro, além de publicar notícias sobre "The world of Barack Obama artwork"

O texto mostra ainda que, muito mais que dar sinais de que a popularidade do presidente ainda está em alta, as obras já deixam um saldo - leia-se $$$ - para o mundo das artes: de fevereiro a maio, o site eBay registrou a oferta de 787 trabalhos na categoria "Pinturas de Obama", o que gerou vendas de cerca de U$20 mil, com preço médio de U$118 por obra.

O jornal fez uma seleção de imagens e as reuniu nesta galeria.


Montagem do americano Jason Mecier

1 de jun de 2009

+ Sgt. Pepper's

Dizem por aí que se algo ou alguém é imitado à exaustão é porque essa coisa ou pessoa é realmente interessante. Seguindo esse raciocínio e considerando todo o impacto e representatividade acumulados por "Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band" (veja mais no post abaixo), então é possível concluir que o álbum lançado pelos Beatles num 1º de junho lá em 1967 se tornaria alvo de paródias infindas.

Porém, como reproduzir a sonoridade do disco talvez não seja a coisa mais simples de se fazer, restou aos interessados na imitação, homenagem, ou seja lá o que for, tentar reproduzir a capa do disco, obra do inglês Peter Blake. Prova disso é este link, que reúne incríveis 63 paródias da capa do influente álbum.

Uma prévia das paródias existentes ajuda a ter uma idéia da extensão do fenômeno. Do sertão nordestino ao entretenimento norte-americano, todos querem ter seu momento Sargento Pimenta:

Nação Nordestina, de Zé Ramalho, lançado em 2000


The Yellow Album, dos Simpsons, lançado em 1998

Não deixe de ver as outras aqui.

1º de Junho: Sgt. Pepper's


Depois de se enfurnar em um estúdio por pouco mais de quatro meses, o verdadeiro quarteto fantástico - também conhecido como Beatles - lançou em 1º de junho de 1967 o álbum "Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band". O disco inovou na tecnologia de gravação, na concepção artística, na sonoridade da banda e na estética da capa. Pronto, estava feita mais uma revolução na música, mais uma vez pelas mãos dos inglesinhos de Liverpool.

Ouça Sgt. Pepper's aqui e celebre a data.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails